Melhor Pra Você ainda não chegou no ponto

De vez em quando eu mudo de canal e vou para a RedeTV! para dar uma olhada no Melhor Pra Você. E nesse mês de agosto, que já faz três meses que o programa estreou, o que posso dizer é que ele ainda não melhorou, ainda não chegou no ponto. Eu fiz algumas sugestões na minha primeira avaliação do programa, e por ser um programa diário, ajustes já deviam ter sido feitos nesses três meses.

Eu já tinha falado que o programa tinha um problema no ritmo das reportagens. Esse problema ainda continua. As reportagens são muito longas para falar de coisas simples. Poderiam ser mais rápidas e mostrar apenas as partes mais importantes e o que realmente interessa.

Mas esse não é o único problema: outro dia, quando mudei para lá, eles estavam falando sobre economia. Além da reportagem longa para contar a história de duas pessoas que economizam tudo para gastar menos, elas ainda foram convidadas para participar do programa no palco. Com eles estava uma especialista financeira. Quando um programa traz convidados, o que você espera é que eles sejam o destaque não é? Mas no caso do Melhor Pra Você os apresentadores falaram mais que os três convidados. Os apresentadores estão se sentido tão à vontade no programa (na Record o controle da direção deve ser maior) que falam demais. Os dois convidados que estavam na reportagem não trouxeram nada novo no palco, e apenas repetiram o que já tinham falado antes. Se a reportagem fosse mais curta, talvez sobrasse alguma coisa para o palco. E a especialista financeira, de todos, foi a que menos falou. Estava lá só de enfeite. Ela era para ser a mais importante, porque daria dicas para todo mundo. Ela devia ter mais tempo. Mas não foi isso o que aconteceu.

No Encontro com Fátima Bernardes, quando uma especialista financeira vai lá, é um merchandising do Itaú, e mesmo assim fica melhor do que o que a RedeTV! fez. Lá no Encontro, mesmo sendo merchandising tem mais conteúdo.

Outro problema é os constantes cantores convidados. No antigo Hoje em Dia tinha, mas era só de vez em quando, e mesmo assim não atrapalhava nas pautas do programa. No Melhor Pra Você fica muito sem graça, porque não combina com o estilo do programa, e parece que os cantores não se sentem muito confortáveis lá. Parece também que os cantores servem de tapa buracos por falta de pautas, e ao mesmo tempo servem para chamar audiência.

Como eu disse na outra postagem, o programa tem potencial, porque se trata de uma revista eletrônica. Ele tem boas intenções, mas ainda precisa melhorar muito. Se continuar assim não dá.

Para mim, até o Hoje em Dia, que mesmo com a troca de apresentadores e com uma pequena mudança no formato (e que mesmo assim ainda não se compara com o Hoje em Dia de antigamente), ainda está melhor que o Melhor Pra Você. Ele tem só duas horas de duração, sendo que uma hora é inteiramente dedicada ao jornalismo, enquanto a outra hora restante é para o entretenimento. E é nessa uma hora do entretenimento que o Hoje em Dia se mostra melhor e mais interessante que o Melhor Pra Você. Mas, de modo geral, as melhores manhãs ainda são as da Globo.

Anúncios
Melhor Pra Você ainda não chegou no ponto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s