Pensamentos e mudanças no blog de resenhas

Nunca pensei que diria isso, mas estou pensando em mudar o meu estilo de escrever resenhas de filmes e séries. Eu nunca escrevi resenhas críticas como as de profissionais da área, e nunca tive essa intenção. Sempre escrevi de modo mais pessoal, quase sempre em primeira pessoa, sempre dando a minha opinião de forma clara. Meus textos são todos pessoais, são a minha impressão e minha opinião sobre o que eu vi. Não gosto de ler resenhas muito rebuscadas, como acontece muito nas resenhas do Omelete (principalmente as de Hessel e Borgo), por não conseguir entender o que eles realmente acharam do filme até ver a nota que eles deram. Isso porque a crítica profissional deles é um texto tão elaborado e formal, que parece não dizer nada com nada. Eu não quero escrever assim, mas também estou sentindo a necessidade de mudar o meu estilo e sair do total informalismo. Não é que vou deixar de dar minha opinião pessoal de forma clara, e nem deixar de usar a primeira pessoa num texto, mas percebo que tenho que escrever textos mais sucintos e objetivos. Minhas resenhas de séries são sempre grandes, sempre tenho muitas coisas para falar da série inteira. Às vezes comento todos os grandes acontecimentos e o comportamento de todos os personagens. Eu gosto de escrever assim, externando todas as minhas impressões, mas não sei se teria paciência para ler uma resenha escrita dessa forma, se fosse escrito por outra pessoa. Quando estou na internet e vejo que o texto que estou para ler é grande, me dá logo preguiça. Se eu realmente estiver interessado em ler aquilo, respiro fundo e vou, mas se não for de grande interesse de verdade, desisto. Eu não quero que as pessoas façam isso com as minhas resenhas. Daí a necessidade de mudança.

Mas mudar o estilo de escrita não é uma coisa das mais simples. Se eu quero escrever mais resumidamente, preciso de mais conhecimentos técnicos sobre filmes e cinema (só sei o básico dos básicos, que todo mundo que acompanha as notícias e resenhas de outros críticos já sabem), para não ficar só refém da minha opinião pessoal e para poder dar alguma profundidade ao texto. Isso não é fácil.

Um outro pensamento que estou tendo sobre o Mundo Geek é em excluí-lo e achar outro lugar para postar as resenhas, porque faz dois anos que tenho esse blog e não consegui fazê-lo crescer em número de visitas e leitores. Eu acompanho um crítico que fez isso e foi bem sucedido. É Vinicius Machado, que escreve a coluna Sala Sete, que faz parte do Trendr. Ele escreve muito bem. Em uma conversa no Twitter no começo do ano ele falou que também tinha um blog, mas que depois que conheceu o Medium (a plataforma onde o Trendr está hospedado), gostou de lá e ficou. Entrou para o Trendr, e à medida que o site ia crescendo ele ia ganhando mais leitores. E leitores de qualidade, porque o Trendr é uma Publicação (como é chamado um blog no Medium) onde se fala de diversos temas e opiniões reflexivos, e que estimulam o debate nos comentários (e uma das coisas mais legais do Medium é o respeito que os usuários têm pela opinião uns dos outros). A sua coluna de cinema é a coluna oficial do site.

Então de janeiro para cá eu vinha publicado as minhas resenhas no Medium, na esperança que desse certo lá, mas já se passaram 7 meses e não deu resultado. Durante esse tempo descobri que tinha outros autores que também estavam publicando as suas resenhas lá. Alguns deles tinham mais recomendações (curtidas) nos seus textos que eu, porque eles tinham mais seguidores. Mas percebi que o sucesso não era a plataforma que trazia, e sim o site em que se publica. Se você é um autor sozinho no Medium, é a mesma coisa que ter um blog comum. Poucas pessoas vão ler seus textos. Mas se você está num site grande, o seu alcance é maior. Isso é bom porque traz visibilidade ao autor.

O que eu ganharia com essa visibilidade? Poderia assistir aos filmes em cabines de imprensa. Vinicius Machado participa dessas sessões. Para quem não sabe, cabines de imprensa é uma sessão de cinema que o estúdio/distribuidora organiza para mostrar o filme completo para a imprensa especializada antes da sua data de estreia. É por isso que os sites conseguem publicar suas críticas na data de estreia do filme. E essas sessões são de graça (!), mas você tem que ganhar um convite. Não é preciso você escrever para um grande veículo de comunicação para ganhar um convite. Você só precisa escrever sobre isso na internet, ter uma boa escrita e uma boa base de leitores e seguidores. Acho que hoje eu não tenho nada disso. Participar de uma cabine de imprensa é o sonho a partir de agora. Você não é o único a participar, tem várias outras pessoas e jornalistas lá também, mas nesse vasto mundo da internet, quando você consegue ser convidado, é como se a distribuidora do filme estivesse lhe dizendo: “nós sabemos que você existe e achamos que suas críticas têm seu lugar e sua importância na internet, por isso estamos lhe convidando”. Querendo ou não é um reconhecimento. Para quem começa na internet, sozinho e com um simples blog, e chegar a isso, representa um grande passo que foi dado. Sem contar com a parte de assistir filmes de graça (porque cinema é caro). Imagino que para quem está estudando Jornalismo ou é recém-formado isso tem um peso ainda maior, para quem sabe um dia escrever para um grande portal ou jornal.

Então resumindo: preciso mudar meu estilo de escrita de resenhas para tentar deixá-las mais breves e não tão pessoal, com o objetivo de ganhar um lugar nas cabines de imprensa, mas para isso também preciso ter conhecimentos. Esse é só um primeiro passo, porque se continuar com o meu blog, provavelmente nada mudará. Mas também tenho que procurar sites ou outros blogs que eu ache bons e que poderia me encaixar lá (e se me aceitarem). É isso. E tudo isso porque resolvi tentar melhorar as coisas e deixar de escrever para mim mesmo (parece até que estou procurando mais trabalho para mim rs), porque senão, poderia continuar tudo do jeito que está, que é um jeito mais simples e menos trabalhoso.

Anúncios
Pensamentos e mudanças no blog de resenhas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s